Back to top

Obtenha o posicionamento exato sem complexidade com motores de passo

A tecnologia dos motores de passo simplifica muito o projeto da máquina. Eles oferecem desempenho de posicionamento quase igual ao servo, sem a necessidade de dispositivos complexos de feedback ou um sistema de malha de controle fechada. Por exemplo, em um sistema de malha de controle aberta, como garrafas sendo direcionadas de uma maneira ou de outra por um desviador de pista, um motor de passo pode oferecer o motion necessário com ótimos resultados e economia de custos. Quando se trata de motion preciso, os motores de passo têm uma vantagem distinta sobre seus equivalentes servo.

Configuração mais fácil, custo mais baixo

Motores de passo são mais fáceis de configurar do que um servomotor típico. Não há necessidade de tuning, ao contrário das alternativas, e são mais simples de gerenciar durante a fase de desenvolvimento do projeto. Normalmente, os motores de passo são dimensionados para torques de pico juntamente com um fator de segurança que varia de 50% a 100%. Outras tecnologias de motores podem envolver cálculos mais complicados durante a fase de desenvolvimento, levando em consideração a aceleração, a desaceleração, a taxa de rotação, o torque RMS, o tempo de permanência e outros fatores.

Benefícios do micropasso

A tecnologia de micropasso facilitou a decisão de usar um motor de passo quando tínhamos como objetivo motion suave. Antes da tecnologia de micropasso, os motores de passo moviam-se a 1,8 graus ou 200 pulsos por volta. Eles saíam do repouso para uma velocidade imediata de 200 pulsos por segundo (60 rpm) ou vice-versa, o que muitas vezes resultava em partidas e paradas bruscas.

Com a tecnologia de micropasso, o padrão de 1,8 graus é subdividido por um fator de até 250. O resultado é um motion mais suave, bem como a maior capacidade de se mover através e dentro da região de velocidade de ressonância de baixo custo. A tecnologia de micropasso também permite um posicionamento mais preciso e repetível quando usado com um encoder para correção automática. Essa precisão pode ser repetida se o movimento for sempre na mesma direção e se o sistema não for desligado.

OBSERVAÇÃO: se ambas as situações não forem o caso, então o motor de passo precisará do feedback do encoder para confirmação e posicionamento correto.

Como escolher o motor de passo ideal

O motor de passo certo deve produzir o torque de carga, a velocidade, os requisitos de perfil de motion, o espaço físico e a tensão necessários. A maneira mais rápida e confiável de determinar essas necessidades é com nossa ferramenta de dimensionamento de motores. Esta ferramenta calcula os pontos de carga do motor e, em seguida, analisa o perfil de carga e de movimento para gerar uma lista de possíveis correspondências do motor com base no banco de dados do motor de passo. Ao determinar a curva de desempenho do motor de passo, o perfil de temperatura (uma saída da ferramenta de dimensionamento) e a tensão de operação do motor, a ferramenta de dimensionamento destacará a melhor opção de motor de passo.

Sobre o Autor

Especialistas Kollmorgen

Kollmorgen Experts

Esse blog foi um esforço colaborativo do time de motion e dos experts em automação na Kollmorgen, incluindo especialistas da engenharia, atendimento ao cliente e de desenvolvimento de projetos. Sempre que você começar um projeto, estamos aqui para ajudá-lo.

Consulte um especialista
Aplicações
Dicas de Instalação
Embalagem
Engenharia
Geral
Haberleşme
História
Interconectividade
Médico
Movimento Embutido
Negócio
Óleo e Gás
Parcerias Universitárias
Regulamentos Alimentares
Robótica
Tecnologia
Veiculos Guiados Automatizados