Back to top

Como selecionar um servodrive

Um servodrive deve ser selecionado com base no servomotor específico usado na aplicação. O movimento necessário do mecanismo acionado determina a tensão e a corrente do servomotor, as principais informações ao selecionar um servodrive. A folha de especificações do motor indica os requisitos de corrente nominal e de pico junto com a classificação de tensão do motor. Uma vez que muitos servomotores têm uma classificação de pico a contínua de 4 a 1, é importante considerar cuidadosamente os requisitos de pico de torque da aplicação.

Depois que os requisitos de tensão e corrente do motor são determinados, um drive pode ser selecionado, uma vez que um servodrive é classificado com base em suas capacidades de tensão e corrente. Para um servodrive CC sem escovas, a tensão de entrada determina a tensão do barramento CC operacional para alimentar o motor. A especificação do drive consiste em uma tensão de entrada e correntes nominal e de pico. Deve-se observar que a maioria dos servodrives no mercado hoje tem um pico de 2 ou 3 vezes a corrente contínua nominal, com a corrente de pico disponível por intervalos curtos de menos de alguns segundos.

Exemplo 1

Os requisitos da aplicação levaram à seleção de um motor com tensão nominal de 240 VCA, que exige corrente contínua de 3 A e corrente de pico de 5 A para aceleração. O drive adequado para a aplicação seria aquele com tensão nominal de 240 VCA e corrente nominal de 3 A. Um drive de 3 A provavelmente tem corrente de pico de 6 ou 9 A, dentro dos requisitos da aplicação.

Cumprir os requisitos de tensão e corrente do motor garante que o drive tenha potência de operação suficiente, mas há várias outras considerações para determinar o servodrive exato adequado para a aplicação, como movimento necessário, opções de feedback e protocolos de comunicação disponíveis. A complexidade do servo drive a ser utilizado será determinada pelo fato de o controle ser executado dentro das malhas de torque, velocidade ou posição. As opções de feedback são importantes, pois um motor pode incorporar um elemento de feedback específico que deve corresponder à capacidade de aceitação do drive. Finalmente, um servodrive incorporado em um sistema de automação mais amplo pode precisar se comunicar em uma rede ou protocolo específico.

Exemplo 2

Um motor requer 240 VCA, pico de 8 A por 1,5 segundo e corrente contínua nominal de 2 A. Para esta aplicação, seria necessário um drive com mais de 8 A para atender aos requisitos de pico. Embora uma corrente de apenas 2 A seja necessária para a operação contínua, seria necessário um drive de 3 A nominais com corrente de pico de 9 A. Com um amplificador com uma corrente nominal acima da necessária do motor, o monitoramento da temperatura seria recomendado para ajudar a prevenir o superaquecimento inadvertido do motor.

Para selecionar um servodrive, é preciso entender bem os sistemas de controle de motion e os vários fatores que afetam seu desempenho. Um especialista em controle de movimento traz a experiência necessária para navegar nas complexidades do processo de seleção. Além disso, uma boa prática é comprar o drive e o servomotor do mesmo fabricante, uma vez que suas classificações são otimizadas para funcionar de forma eficiente como um sistema.

Conhece os requerimentos de corrente e tensão do drive? Entre suas especificações na busca e compare nossos produtos, identificando aquele que melhor se encaixa nas suas necessidades utilizando a nossa Ferramenta de Seleção de Produtos.

Sobre o Autor

Especialistas Kollmorgen

Kollmorgen Experts

Esse blog foi um esforço colaborativo do time de motion e dos experts em automação na Kollmorgen, incluindo especialistas da engenharia, atendimento ao cliente e de desenvolvimento de projetos. Sempre que você começar um projeto, estamos aqui para ajudá-lo.

Consulte um especialista

Blog Taxonomy Helper

Aplicações
Dicas de Instalação
Embalagem
Engenharia
Geral
Haberleşme
História
Interconectividade
Médico
Movimento Embutido
Negócio
Óleo e Gás
Parcerias Universitárias
Regulamentos Alimentares
Robótica
Tecnologia
Veiculos Guiados Automatizados